13.6.09

Isto é homem ou mulher?

Aquela noite foi precedida de muita expectativa. Há mais de uma semana planejávamos adentrar aquele ambiente abalando as estruturas. Afinal de contas, baladas gay não acontecem em Shark city todos os fins de semana. E é fato: mulheres hetero, solteiras e desencanadas, like me, amam uma boa baladinha gls pra desestressar.
Trouxe o amigo de Floripa, cheio das (más) intenções, alguns integrantes do bonde compraram roupas novas, foi uma sensação. E, finalmente, após duas espumantes finíssimas e generosas doses de gim com sprite (hahaha, old school), embarcamos para a balada do ano. O-ow...
Cerca de 50 adolescentes gays afetadérrimos sacaroteavam e batiam cabelo pelo salão, ao som de um djzinho bem do meia-boca, incapaz de tocar qualquer coisa de Lady Gaga. Deception... mas nosso pesadelo não parava por aí.
De repente uma criaturinha, gênero não definido, de 1,40m, babylook justérrima ressaltando seu corpinho de tronco de palmeira anã, laranja fósforo queima-retina, abraça seu partner, de 1,90m, pela cintura - com as pernoquinhas curtas - e começam a girar loucamente pelo salão.
Um jovem rapaz exibia a musculatura flácida dos bracinhos a bordo de uma regatinha preta bem cavada - temperatura da náite: 5,5 graus. Outro investiu no look xadrez: jaquetinha bege xadrez escocês, calça marrom xadrez príncipe-de-gales. Doia no coração.
Muitos abusavam dos já datados acessórios lenço palestino e chapéu fedora. Às sapatinhas, restaram os all-stars e os jeans paga-cofrinho. Todas idênticas.
Até que surge o momento auge da noite: um tresloucado invade o ambiente, faceiríssimo, gritando a plenos pulmões: "Fiz sexo no banheiro! Fiz sexo no banheiro!". Time to go home.
É claro que todos têm o direito de se expressar da maneira que bem entender, mas achei meio triste o fato de as bichinhas sharkcityanas recusarem terminantemente descolar da imagem estereotipada que os não simpatizantes fazem dos gays. Sei lá, não tinha exceção.
A pergunta que mais se ouviu ao longa da sofrida balada foi: "Isto é homem ou mulher?". Juro, era difícil identificar.

6 comentários:

John disse...

"20 reais, 20 reais, 20 reais, 20 reais..." hahahahahaha, se é q vc me entende!!!

Cíntia Teixeira disse...

Hahhahahahahahah!!! Tudo!

Guilherme Corrêa disse...

M E D O!
Muito medo, mesmo!

João Lucas disse...

Tem certeza que era balada. Pela descrição mais parece uma gaiola.
:)
Vai ser difícil satisfazer o seu pedido, mas tá lá mais um: www.bemsacada.blogspot.com

Dri Viaro disse...

Passando pra conhecer o blog, e desejar boa semana

bjs

aguardo sua visita :D

Hermilaine disse...

Olá,tava procurando o que ler e gostei de seu blog.Vou acompanhar.Abração pra você.Se quiser me conhecer:
www.coisasdelane.blogspot.com