2.9.06

Shox

Que mulher é bicho bobo todo mundo sabe. Que temos uma tendência pouco mais acentuada de nos dedicarmos ao consumismo compulsivo, também. Mas ninguém consegue explicar minha súbida paixão por um tênis da Nike com amortecedores super-escandalosos. Bom, tem um lindo e do mesmo estilo assinado pela Adidas, que já quebrava o galho. Todas as meninas de menos de 20 anos da academia exibem um modelito destes. Pelas ruas, jovens mulheres fazem combinações estilosas do tipo "terninho risca-de-giz" e um belo shox nos pés - luxo. Custo médio do mimo: R$ 380. Aí é que eu sou uma mulher adulta, bem resolvida, com auto-estima em dia, pago minhas contas, sou independente e não consigo me permitir esta aquisição. Apesar de ter me encantado com o produto, fica difícil ter coragem para desembolsar esta pequena fortuna por um calçado, mesmo que em suaves prestações. Mais uma vez, sinal dos tempos, indício de que os 30 estão batendo na porta (assunto, aliás, bastante recorrente no blog). Ou seja, tenho tantas outras prioridades menos "fúteis", digamos, que o sonho de ostentar um Nike de amortecedores rosa-claro vai ficar engavetado. Economias, poupança, um computador (urgente!), carteira de motorista, mimos para minha pequena afilhada, uma ajudinha no orçamento familiar, são tantas pendências que a idéia de adquirir o calçado mais badalado do momento (que tem direito até a comunidade no Orkut) fica parecendo ainda mais imatura. Ainda se fosse uma bela bota preta salto agulha...

4 comentários:

Miche disse...

Bah, tênis Nike com amortecedor rosa claro???? Eu tbem queroooooooooooooooooooo!!! Mesmo que eu não use tênis nunca (ou quase nunca), e o mais perto que eu passo da academia é quando o elevador pára no andar dela, quero um tbem. Mas confesso que a bota preta salto agulha é uma aquisição bem mais interessante!!!! hehehehe

Fezoca disse...

Cintia, eu gasto no maximo 150 patacas num sapato e olhe la. agora em roupa nao adianta, ninguem me faz pagar mais que 50 em nada, nada! eu sou consumista, mas nao to nem ai pra moda, nem pra etiqueta. sobrevivo muito bem! :-))

beijaoo,

Stella Bousfield disse...

Cíntia...Como esses mimos supérfluos são maravilhosos não? Força que um dia a gente chega lá (rs)Beijo.
Stella.

Ander disse...

Mulheres...