13.9.10

Velha infância

Laurinha P. veio com mais um meme bacaninha pra gente quebrar a cabeça e pensar na vida. Este diz a respeito das coisas bacanas (ou não tão bacanas) da infância. Here we go:

1) Coisas que tive e adorava
Ainda esta semana, conversando com mamã, falei de meu desejo de adquirir novamente o jogo "Pulo da Aranha", que ganhei aos sete anos, e que me fez rir e chorar e ser o centro das atenções nas festinhas de família. Minha mãe garantiu que este tipo de desejo passa após ter um filho (ela e todas as suas chantagens pró-procriação...).
O jogo era muito bacana, uma imperceptível tremidinha de mão fazia a terrível aranha de pelúcia pular em sua jugular. Queria, tipo, pra ontem, porque garanto que ia levar os mesmos sustos.



2) Coisas que queria muito, mas não tive
Meio clichê, mas eu queria muito a casa da Barbie que custava, tipo, o valor de um carro usado (mas em bom estado). Aquela casinha da Moranguinho, em formato (é claro) de morango, também figurava nos meus ardentes sonhos de consumo infantis.



3) Uma lembrança boa
Felizmente, minhas lembranças de infância são, invariavelmente, boas. Brincar de "pé na bola", me arrumar pra ir a uma festinha de aniversário usando a minha indefectível salopete cor-de-rosa. Ficar até tarde na TV vendo SuperCine com mamã. Tomar sorvete de gelo e achar uma delícia (tomar suco de pacotinho - leia-se Q-suco - e também achar uma delícia, argh).

4) Uma lembrança ruim
Quando arrombei o joelho caindo da árvore, na casa da minha tia, na longínqua Capivari de Baixo. Sangue quente e espesso perna abaixo, a tia cheia dos compromissos tendo que me levar pro hospital pra fechar aquela cratera. Cinco pontos.

5) Coleções
Papel de carta, néam? E alguns álbuns de figurinhas (como as da Rainbow Brite, cheirosas e de cores psicodélicas, embora eu não soubesse o que era psicodelia, thanksGod).



6) Ídolo da época
Ai, tive que quebrar a cabeça pra pensar, mas acho que era o Indiana Jones. Ah, e o Christopher Reeve, em Superman (nossa, agora entreguei a idade legal). É, eu sei. Era melhor ter dito a Xuxa, né? Mas não vou mentir...



7) Programa favorito da época
Tá bom, era o da Xuxa. Mas só pelos desenhos. Get along gang rules!



8) A moda mais legal que usei
Polainas.



9) A moda mais brega que usei
Que eu NÃO usei, melhor dizendo. Saia balonê. Feio até pra criança.

Nem vou indicar alguém pra responder. Se curtiu, sinta-se à vontade.

6 comentários:

L'atelier disse...

kkkkk Adorei o questionário!!!

Super man... adoravaaaaaaa

Bjinhos!!!

Cíntia Teixeira disse...

Hahaha... era lindo, né? Provocador de sonhos infantis quase impróprios... Bom, se gostou, responde também, moça!

Laura Peruchi Mezari disse...

Ahhhh, adorei sua infância, dona imediata. E já adicionei a casinha de Moranguinho nos meus desejos - essa eu não conhecia... vendo os desenhos, lembrei desse que vc colocou a figurinha, que passava na tv, eu amava!

beijao!

Caetano disse...

O Pulo da Aranha era muito legal, tive um também. Funcionou até quebrar o fio (na nossa mão, não durava muito).
Beijo,
Caetano

Guilherme Corrêa disse...

Get along, get along with your frieeeeeeends!

Mi disse...

adorei a retrospectiva.
ja estou te seguindo, se puder me seguir agradeço

beijinhos

http://blogdamip.blogspot.com/