27.7.09

Panela velha

Não é fácil retomar a prática na arte da paquera. Também não é moleza para jovens senhôuras recentemente solteiras encontrar perfis minimamente encaixáveis no modelito “futuro marido”. Aí dá-se início a uma série de erros: demos ouvidos a amigos, seguimos conselhos duvidosos ao pé da letra, aceitamos até um blind date com o primo solteirão daquele casal de conhecidos, cujo apelido é Milium e cuja ficha policial é mais extensa do que seu curriculum vitae.
Cinara bem que tentou ignorar o assédio virtual. Solteira, mas digna, jamais adicionava perfis de desconhecidos no Orkut e desprezava solenemente convites para o messenger vindo de estranhos. Dia desses e ela simplesmente dispensou o próprio chefe por conta de seu endereço de email duvidoso - com asteriscos, underlines e letras repetidas. Um amigo - tão solteirão quanto a própria - xingou: "Qual é o grande problema de adicionar alguém no msn? Se não gostar da conversa, é só bloquear", aconselhou o sábio.
Em princípio a moça não levou o papo a sério, mas aquela dúvida corroeu seu coraçãozinho: e se eu dispenso o cara que poderia vir a ser minha alma gêmea virtual? É de se pensar...
Até que surgiu um convite: rafaelsobrenomecertinhosemmiguxês@hotmail. É a minha deixa, pensou a moça, adicionando o rapaz à sua lista de contatos.
No sábado, o mocinho dá o ar da graça: "Oi, gatinha? Vc tc de onde?". Ela já não gostou de tanta abreviação. Mas continuou firme: SC. Rafael falava da Bahia. Do interior da Bahia. Beeeem interior. Céus, como este Brasil é pequeno.
Papo vai, papo vem e nossa heroína já havia descartado o baianinho como seu futuro namorado quando resolve perguntar a idade - é, foi ela quem começou. "21", conta o menino, candidamente. A balzaca ri, e decidi ser honesta quando é questionada. "30", diz.
Foi quando veio o primeiro banho de água fria: "Não dá nada. Eu gosto mesmo é das coroas", o guri teve a audácia. Coroas. COROAS. Co-ro-as.
A enfurecida mulher de 30 sobe nas tamancas, mas resolve manter a classe e a elegância que lhe são marca registrada: "Coroooooa? Nossa, você pegou pesado". E ele fecha a conversa com chave de ouro: "Panela velha é que faz comida boa. Me adiciona no Orkut, GATINHA".
Depois de correr pro banheiro dar aquela vomitada, e bloquear o inconveniente com força, nossa pequena deusa do amor foi retocar o creme antirrugas.

3 comentários:

Guilherme Corrêa disse...

Qual o problema que as pessoas tem em bloquear desconhecidos e chatos no msn? Vergonha? Tadinha, um pote de renew na cabeça do "querido"!

Cíntia Teixeira disse...

É por estas e por outras que eu prefiro nem aceitá-los... E no caso dele, um frasquinho de Leite de Rosas já tá de bom tamanho...

Ricardo Chicuta. disse...

Olha,minha ficha criminal é do mesmo tamanho do meu currículo.
Eu sou feio,pobre e tenho 33 anos.Mas me disseram que eu beijo bem.E todo mundo sabe que o importante mesmo é beijar bem.O resto é perfumaria.