3.12.07

Gafes sexuais

Circulando por meus bloguinhos prediletos (que são vários), deparei-me com um, em especial, que trazia uma pesquisinha proposta pela revista Criativa, sobre o polêmico tema "gafes sexuais". Vamos às questões?
A pergunta era: Você já passou por alguma (ou várias) destas situações?
E seguiam-se estes constrangedores momentos da vida de qualquer serumano:

Trocar o nome do parceiro.
Cochilar durante as preliminares.
Cochilar durante a penetração.
Só perceber que a menstruação desceu na hora H.
Usar uma calcinha furada.
Estar tão peluda quanto o Tony Ramos.
Soltar um pum em um momento inadequado.
Atender o celular durante a penetração ou as preliminares.
Fazer um comentário sobre o tempo ou a programação da TV durante a transa.
Deixar escapar um "Que bonitinho" ao descobrir que o pênis dele é pequeno.
Olhar no relógio pensando no compromisso que tinha a seguir.
Sentir enjôo durante o sexo oral e não conseguir disfarçar.
Caiu da cama.
Bateu nele sem querer.

Coisas da vida, né, minha gente? Conheço um punhado de louca por aí que poderia preencher uma verdadeira bíblia com as gafes sexuais das mais escalafobéticas e absurdas do universo. Alguém se habilita a relatá-las ou terei eu que fazê-lo? Dou três dias, hein?

P.S.: importante lembrar: a enquete foi publicada pela revista Criativa e divulgada pelo blog http://inconfidenciamineira.com/, da Vanessa, sempre ótimo.

Um comentário:

Matheus disse...

Ah, tira o cochilar durante a penetração que isso não existe.

E coloca aí: "Insitir em tirar a calcinha da mulher e descobrir que ela não estava fazendo doce. Estava menstruada"